Pesquisar este blog

terça-feira, 29 de janeiro de 2008

Para meus amigos publicitários...

Como não tenho nada de bom pra dizer (até tenho, mas estou com muita preguiça...) resolvi colocar um trecho de um livro que estou lendo que me remeteu a uns amigos que fazem publicidade... Leiam (clique sobre a imagem do texto para vê-lo ampliado):

Do livro "Dossier Deleuze", organizad por Carlos H. de Escobar.

P.S.1: Em favor da campanha pela preservação do acervo da Biblioteca da Ufes!
P.S.2: Ainda não voltei a me sentir amado, mas já me sinto bastante desejado... Um grande passo!

6 comentários:

Anônimo disse...

Acho que o grande mote seria a mistificação que a publicidade cria para ser exercida. A questão do apelo emocional, capaz de preencher os anseios pessoais.

A filosofia ocupa esta esfera, não como um espaço de auto-ajuda, mas num campo de reflexões bem mais amplo, em que os debates interpessoais dialogam com o objetivo de descobrir.

O imediatismo do capitalismo, foi que alçou os produtos ao status de remédio da alma. Todavia, o efeito é comparável à quantidade de adrenalina em circulação.

Pedro disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Anônimo disse...

Tem jornalista que na falta do que fazer fica falando dos publicitários...
Vai escrever algo que valha a pena

Sérgio Rodrigo disse...

Nem fui eu quem falou, só citei... Publicitário recalcado!

katilaine disse...

Aposto que, ao contrário do que disse no post, você não tem realmente nada a dizer. Bem típico.

Bruno Portela disse...

Excelente Sérgio. É obvio que a Filosofia é muito maior - no sentido de mais ampla e não de valor - que a Publicidade. E não só maior que ela, como maior que todas as ciências sociais aplicadas, qualquer um que já tenha realmente estudado Filosofia sabe disso. O que o autor não cita é que as idéias dele provavelmente só têm esse alcance graças a um sistema de distribuição editorial capitalista e a um sistema de comunicação que permita que nós o conheçamos.

Grande abraço, e parabéns pela seleção de seu conto, manda pro meu e-mail se puder.